PRONAF JOVEM

PRONAF JOVEM

BENEFICIÁRIOFINALIDADEFORMA DE
CONTRATAÇÃO
LIMITETAXACARÊNCIAPRAZO
Jovens maiores de 16 anos e com até 29 anos, integrantes de unidades familiares enquadradas no MCR 10-2 e conforme as regras do MCR 10-10-1.Implantação, ampliação ou modernização da estrutura das atividades de produção, de armazenagem, de transporte ou de serviços agropecuários ou não agropecuários.IndividualR$ 16.500,003%Até 3 anosAté 10 anos.

PRONAF FLORESTA

PRONAF FLORESTA

BENEFICIÁRIOFINALIDADEFORMA DE
CONTRATAÇÃO
LIMITETAXACARÊNCIAPRAZO
Produtores rurais com “Declaração de Aptidão ao PRONAF – DAP” ativa. Contenham renda bruta anual familiar de até R$ 415.000,00, com até 4 modulos rurais de posse.I – Sistemas agroflorestais.
II – Exploração extrativista ecologicamente sustentável, plano de manejo e manejo florestal, incluindo-se os custos relativos à implantação e manutenção doempreendimento.
III – Recomposição e manutenção de áreas de preservação permanente e reserva legal e recuperação de áreas degradadas, para o cumprimento de legislação ambiental.
IV – Enriquecimento de áreas que já apresentam cobertura florestal diversificada, com o plantio de uma ou mais espécie florestal, nativa do bioma
IndividualI – Quando destinados exclusivamente para projetos de sistemas agroflorestais, exceto para beneficiários enquadrados nos Grupos “A”, “A/C” e “B”: até R$60.000,00.
II – Para as demais finalidades: até R$27.500,00.
III – Para os beneficiários enquadrados nos Grupos “A”, “B” e “A/C”: até R$15.000,00, observado o disposto no MCR 10-1-22.
3% a.a.I – Carência de até 12 (doze) anos, nos financiamentos enquadrados no inciso I do item anterior.
II – Carência de até 8 (oito) anos, nos demais casos.
I – Até 20 (vinte) anos, nos financiamentos enquadrados no inciso I.
II – Até 12 (doze) anos, nos demais casos.

PRONAF AGROINDÚSTRIA

PRONAF AGROINDÚSTRIA

BENEFICIÁRIOFINALIDADEFORMA DE
CONTRATAÇÃO
LIMITETAXACARÊNCIAPRAZO
Pessoa física, desde que, no mínimo, 80% da produção a ser beneficiada, processada ou comercializada seja própria.Investimento em atividades que agreguem renda à produção e aos serviços desenvolvidos pelos beneficiários do Pronaf.
Implantação de pequenas e médias agroindústrias, isoladas ou em forma de rede; Ampliação, recuperação ou modernização de unidades agroindustriais de beneficiários do Pronaf já instaladas e em funcionamento, inclusive de armazenagem.
Capital de giro associado, limitado a 35% (trinta e cinco por cento) do financiamento para investimento
Individual ou coletivoPessoa fisica até R$165.000,004,60%Até 3 anos, com exceção dos utilitários sem carênciaAté 5 anos para os utilitários e 10 anos para os demais.
Empreendimentos familiares rurais definidos no item 2 que apresentem DAP pessoa jurídica ativa para a agroindústria familiar.Pessoa jurídica: até R$330.000,00, observado o limite de R$165.000,00 por sócio relacionado na DAP emitida para o empreendimento.
Cooperativas constituídas pelos beneficiários do Pronaf que apresentem DAP pessoa jurídica ativa para esta forma de organização.Até R$ 35.000.000,00, observado o limite individual de R$ 45.000,00 por associado relacionado na DAP emitida para a cooperativa.

PRONAF INVESTIMENTO (MAIS ALIMENTOS) E (PRONAF MULHER)

PRONAF INVESTIMENTO (MAIS ALIMENTOS) E (PRONAF MULHER)

BENEFICIÁRIOFINALIDADEFORMA DE
CONTRATAÇÃO
LIMITETAXACARÊNCIAPRAZO
Produtores rurais com “Declaração de Aptidão ao PRONAF – DAP” ativa. Contenham renda bruta anual familiar de até R$ 415.000,00, com até 4 modulos rurais de posse.I – Adoção de práticas conservacionistas de uso, manejo e proteção dos recursos naturais, incluindo a correção da acidez e da fertilidade do solo e a aquisição, transporte e aplicação dos insumos para estas finalidades.IndividualAté 165 mil por safra e limite de endividamento de 330 mil por CPF.3,00%Até 3 anosAté 10 anos.
II – Formação e recuperação de pastagens, capineiras e demais espécies forrageiras, produção e conservação de forragem, silagem e feno destinados à alimentação animal.IndividualAté 165 mil por safra e limite de endividamento de 330 mil por CPF.
III – Implantação, ampliação e reforma de infraestrutura de captação, armazenamento e distribuição de água.IndividualAté 165 mil por safra e limite de endividamento de 330 mil por CPF
ColetivoLimitado a até R$165.000,00, por proponente.
IV – Aquisição e a instalação de estruturas de cultivo protegido, inclusive os equipamentos de automação para esses cultivos.IndividualAté 165 mil por safra e limite de endividamento de 330 mil por CPF.
ColetivoLimitado a até R$165.000,00, por proponente.
V – Construção de silos, ampliação e construção de armazéns destinados à guarda de grãos, frutas, tubérculos, bulbos, hortaliças e fibras, inclusive a construção e aquisição de câmaras friasIndividualAté 165 mil por safra e limite de endividamento de 330 mil por CPF.
ColetivoLimitado a até R$165.000,00, por proponente.
VI – Aquisição de tanques de resfriamento de leite e ordenhadeirasIndividualAté 165 mil por safra e limite de endividamento de 330 mil por CPF.
ColetivoLimitado a até R$165.000,00, por proponente.
Para os demais empreendimentos e demais finalidades.IndividualAté 165 mil por safra e limite de endividamente de 330 mil por CPF. Para itens usados limite de R$165.000,00 para colheitadeira automotriz, e de R$80.000,00 para os demais4,60%Até 3 anos, com exceção dos utilitários, tratores, colheitadeiras e seus implemento, sem carênciaAté 10 anos, exceção utilitarios com prazo máximo de 5 anos.
Aquisição isolada de tratores, colheitadeiras e seus implementos. Prazo de até 7 anos
ColetivoLimitado a até R$165.000,00, por proponente.

DEMAIS PRODUTORES

DEMAIS PRODUTORES

BENEFICIÁRIOENQUADRAMENTOLIMITETAXAPRAZO
Receita Bruta Agropecuária Anual (RBA) acima de R$ 2.000.000,00O crédito de custeio pode se destinar ao atendimento das despesas normais: I – Do ciclo produtivo de lavouras periódicas, da entressafra de lavouras permanentes ou da extração de produtos vegetais espontâneos ou cultivados; II – de exploração pecuária.R$ 3.000.000,008% a.a.60 dias após a colheita; no caso de custeio pecário prazo de até 2 anos conforme o sitema de produção

PRONAF CUSTEIO

PRONAF CUSTEIO

BENEFICIÁRIOENQUADRAMENTOLIMITETAXAPRAZO
Produtores rurais que comprovem seu enquadramento mediante apresentaçãoda “Declaração de Aptidão ao PRONAF -DAP” ativa.Para financiamentos destinados ao cultivo de arroz, feijão, mandioca, feijão caupi, trigo, amendoim, alho, tomate, cebola, inhame, cará, batata-doce, batata inglesa, abacaxi, banana, açaí, pupunha, cacau, baru, castanha de caju, laranja, tangerina, oleícolas, erva-mate. Para financiamentos de cultivos em sistemas de produção de base agroecológica ou em transição para sistemas de base agroecológica. Para o custeio pecuário destinado à apicultura, bovinocultura de leite, piscicultura, ovinos e caprinos.Para uma ou mais operações de custeio que, somadas, atinjam valor de até R$ 250 mil por mutuário no
ano-safra
3% a.a.Para todos os custeios agrícolas o vencimento é em até 90 dias após a colheita com prazo máximo de um ano a partir da contratação
Custeio de milho.Para os mutuários que contratarem até R$ 20 mil em cada ano safra.Para todos os custeios agrícolas o vencimento é em até 90 dias após a colheita com prazo máximo de um ano a partir da contratação.
Custeio de milho.
Para aquisição de animais para recria e engorda.
Para as demais culturas, criações ou atividades
Para os mutuários que contratarem acima de R$ 20 mil até R$ 250 mil em cada ano safra. Para uma ou mais operações de custeio que, somadas, atinjam valor de até R$250 mil por mutuário no ano-safra.4.60% a.a.I – 6 meses, para aquisição de bovinos e bubalinos para engorda em confinamento; II – 2 anos para aquisição de bovinos e bubalinos para recria e engorda em regime extensivo; III – 1 (um) ano nos demais financiamento

PRONAMP CUSTEIO

PRONAMP CUSTEIO

BENEFICIÁRIOENQUADRAMENTOLIMITETAXAPRAZO
Produtores rurais, pessoa física ou jurídica que possuam renda bruta anual de até R$ 2.000.000,00.O crédito de custeio pode se destinar ao atendimento das despesas normais:
I – Do
ciclo produtivo de lavouras periódicas, da entressafra de lavouras permanentes ou da extração de
produtos vegetais espontâneos ou cultivados;
II – de exploração pecuária.
R$ 1.500.000,006% a.a.60 dias após a colheita; no caso de custeio pecuário prazo de até 2 anos conforme o sistema de
produção