Cresol Agro

Conteúdo

Pronaf Bioeconomia

Beneficiários

Pessoas físicas enquadradas como agricultores familiares no Pronaf, que apresentem proposta ou projeto técnico para investimento em uma ou mais finalidades a seguir.

Itens financiáveis

  • Pequenos aproveitamentos hidroenergéticos;
  • Tecnologias de energia renovável, como o uso da energia solar, da biomassa, eólica, mini usinas de biocombustíveis e a substituição de tecnologia de combustível fóssil por renovável nos equipamentos e máquinas agrícolas;
  • Sistemas produtivos de exploração extrativista e de produtos da sociodiversidade ecologicamente sustentável;
  • Tecnologias ambientais, como estação de tratamentos de água, de dejetos e efluentes, compostagem e reciclagem;
  • Projetos de adequação ambiental como implantação, conservação e expansão de sistemas de tratamento de efluentes, compostagem, desde que definida no projeto técnico a viabilidade econômica das atividades desenvolvidas na propriedade para pagamento do crédito;
  • Adequação ou regularização das unidades familiares de produção à legislação ambiental, inclusive recuperação da reserva legal, áreas de preservação permanente, recuperação de áreas degradadas e implantação e melhoramento de planos de manejo florestal sustentável;
  • Implantação de viveiros de mudas de essências florestais e frutíferas fiscalizadas ou certificadas; 
  • Silvicultura, por meio da implantação ou manutenção de povoamentos florestais geradores de diferentes produtos, madeireiros e não madeireiros.

Limite

  • Até R$ 88.000,00, por beneficiário, em uma ou mais operações exclusivamente para projetos de investimento para as culturas de dendê ou da seringueira.
  • Até R$ 200.000,00 por beneficiário, por ano agrícola, nas demais finalidades. 

Taxa de juros

  • 4,5% ao ano – para atividade de silvicultura;
  • 3% ao ano – para as demais finalidades.

Prazo

  • Para a cultura de seringueira até 20 anos, incluídos até 8 anos de carência;
  • Para cultura do dendê até 14 anos, incluídos até 6 anos de carência;
  • Para silvicultura até 12 anos, incluídos até 8 anos de carência;
  • Para as demais finalidades até 10 anos, incluídos até 5 anos de carência.

*Linha sujeita à disponibilidade em sua cooperativa.